domingo, 4 de abril de 2010

Dear John (2010)

"Is Duty enough reason to live a lie ?"

"Dear John" é um filme adaptado do romance literário de Nicholas Sparks. Não estava com expectativa nenhuma relativamente ao filme em si, pois não só nunca li o livro, como também não fazia grande ideia o que esperar. Mas sabendo quem é Nicholas Sparks, era capaz de prever o potencial que este filme teria, pois "The Notebook", outra adaptação cinematográfica dos romances de Nicholas Sparks, teve grande sucesso.
O filme conta a história de John Tyree (Channing Tatum), um sargento que finalmente regressa a casa por duas semanas, e Savannah (Amanda Seyfried), uma estudante que está de férias. Os dois conhecem-se e apaixonam-se, e vivem um romance inesquecível durante esse período. Contudo, Savannah tem que voltar para a Universidade e John tem mais 12 meses de serviço militar. Eles prometem escrever cartas um ao outro durante esse tempo. No entanto, o seu amor vai ser posto em prova quando John decide prolongar o seu tempo de serviço após o ataque do 11 de Setembro.
A história vai-se centrar, assim, no que acontece a duas pessoas quando o tempo e a distância começam verdadeiramente a testar o seu amor. Obviamente que é uma história 100 % romântica, o que pode não agradar a toda a gente. Mas é tocante, em alguns aspectos.

Relativamente aos actores: Channing Tatum é, realmente, muito bonito de se ver. Não considero, no entanto, que seja um grande actor, faltava-lhe mesmo qualquer coisa para o tornar credível. Não sei se foi devido ao argumento que, não sendo nada de especial de tão exagerado que era, não ajudava em nada. Realmente um ponto a considerar é o sentimentalismo exagerado que o realizador Lasse Hallström nos proporcionou. Embora possa ser considerado por uns muito bonitinho, eu consi
dero que talvez fosse um bocadinho de mais. Sendo um aspecto tão centralizado no filme, extende-se demasiado, acabando mesmo por se tornar um filme aborrecido. Não se questiona a química evidente entre Channing Tatum e Amanda Seyfried, mas não penso que nenhum dos dois tenha dado uma grande performance. Mesmo Seyfried, com uma voz maravilhosa, não esteve muito à altura. O diálogo estava mesmo horrível e previsível. Na minha opinião as coisas seriam um bocadinho melhores se o actores (os principais) estivessem à altura.
Para os românticos incuráveis, este é um filme que vos fará rir e chorar e com certeza que não terão dificuldades em identificar-se com as personagens. De resto, o filme roça um bocado a mediocridade. O meu colega das críticas, Pedro Gonçalves, era para ter vindo ver o filme comigo, mas quando recebi a mensagem dele a dizer "booooring", devia ter percebido logo! Ele sabe sempre tudo, e devia ter seguido o conselho dele.

EXAME

Realização: 6/10
Actores: 5/10
Argumento/Enredo: 5/10
Duração/Conteúdo: 6/10
Transmissão da ideia principal do filme para o espectador: 7/10

Média Global: 5.8/10

Crítica feita por Sara Queiroz

Informação

Título em português : Juntos ao Luar
Título Original: Dear John
Ano: 2010
Realização: Lasse Hallström
Actores: Channing Tatum, Amanda Seyfried, Richard Jenkin

Trailer do filme:


0 comentários:

Enviar um comentário