quinta-feira, 28 de abril de 2011

Mother and Child (2009)

Mother and Child é, aparentemente, o típico filme para mulheres, e não duvido que haja quem categorize o filme dessa maneira. Mas não podiam estar mais enganados. Este filme de 2009 realizado por Rodrigo García, é uma película impecável, de um soberbo realismo e sensibilidade sobre o eterno vínculo que liga os pais aos seus filhos. Não obstante ser subtil e minimalista, não é necessariamente direccionado para mulheres, pois é um filme que, com certeza, todas as pessoas apreciarão, principalmente pela grande mensagem que transmite.

Rodrigo García, depois de ter realizado o grande flop "Passengers", redimiu-se, e apresenta-nos uma história que se centra na vida de três mulheres: Karen (Annette Benning), uma mulher de meia-idade que tenta conviver com o facto de ter dado o seu bebé para a adopção quando tinha 14 anos de idade; Elizabeth (Naomi Watts), a filha desconhecida de Karen, que é uma ambiciosa advogada que faz tudo para alcançar o que quer, mas emocionalmente apagada; E por fim Lucy (Kerry Washington), que por não poder ter filhos, inicia com o seu marido o processo para adoptar uma criança. Desnecessário será dizer que estas histórias estão interligadas e acabarão por se interligar. É difícil ser mais detalhada pois também não pretendo dar spoilers. Mas sem dúvida que é perceptível que o filme explora na totalidade a temática da adopção, nas suas várias perspectivas: o acto de dar a criança, a vontade de querer adoptar, e o sentimento de rejeição da pessoa que foi dada para a adopção. Acaba por problematizar todas as questões subjacentes, e é nessa medida que acho que o filme está bastante realista, pois não cai nos clichés e na previsibilidade. Outro facto é que é raro que o tema da adopção seja abordado com tanta compreensão, emoção e inteligência como Mother and Child aborda. É um filme de uma natureza muito própria, intimista e bastante direccionado para as personagens, o que é sempre uma boa característica, pois sentimos uma grande ligação com as mesmas e com as suas motivações. Apesar do brilhantismo da premissa, senti alguma dificuldade (não muito notória) por parte de García em nivelar as histórias, há uma falta de equilíbrio, pois chega a uma altura em que a história de Lucy torna-se um pouco enfadonha.

Sem dúvida que o filme deve-se muito ao excelente elenco que tem, e sinceramente nem sei por onde começar, pois o nível de excelência é verdadeiramente grande e abrange a maior parte dos actores. Annette Benning, como seria de esperar, está absolutamente magistral, encarnando a personagem com um brilhantismo incrível. Naomi Watts apresenta-nos outra grande performance, a sua personagem está muito bem construída e só Watts é que conseguiria transmitir o tipo de emoção que aquele tipo de personagem requer. Na minha opinião são duas interpretações que deviam ter sido consideradas para qualquer dos prémios.

Em suma é um filme bastante satisfatório e é claro que não deixei de derramar a minha lagrimazita. Sinceramente surpreendi-me imenso, pois este não é de facto o meu género de filme. Recomendadíssimo! E para os cépticos... Acreditem no que vos digo.

EXAME

Realização: 7/10
Actores: 9/10
Argumento/Enredo: 7/10
Duração/Conteúdo: 7/10
Transmissão da principal ideia do filme para o espectador: 9/10

Média global: 7.9/10

Crítica feita por Sara Queiroz


Informação

Título em português: Mães e Filhas
Título original: Mother and Child
Ano: 2009
Realização: Rodrigo Gárcia
Actores: Naomi Watts, Annette Bening, Kerry Washington, Samuel L. Jackson

Trailer do filme:

4 comentários:

  1. Excelente crítica. Vou dar uma oportunidade ao filme,e a minha namorada quer ir vê-lo, apesar de não ser mesmo nada o meu género.

    Cumps

    ResponderEliminar
  2. Obrigada João :) Acho que fazes bem em ir vê-lo, pode ser que te surpreendas! Acredita que também não faz o meu género e eu gostei imenso. Depois tens que dar o feedback :P

    *

    ResponderEliminar
  3. A crítica está espectacular, concordo em tudo contigo :)
    Foi daqueles filmes que gostei mesmo de ver !

    ResponderEliminar