domingo, 28 de dezembro de 2008

Twilight (2008)


And so the lion fell in love with the lamb.

Twilight, filme baseado no romance de Stephenie Meyer, conta a história de Bella Swan (Kristen S
tewart), que se muda para a cidade de Folks para ir viver com pai, onde conhece o misterioso Edward Cullen (Robert Pattison), que esconde um fascinante segredo: é um vampiro. Os dois apaixonam-se, no entanto, vampiros rivais ameaçam a sua separação. Bella e Edward terão que fazer de tudo para poderem continuar juntos.

O livro que originou este filme, foi extremamente bem sucedido, sendo adorado por pessoas de diversas idades, por ter uma história (apesar de simples) de amor bonita. Qualquer filme que seja baseado em algum livro, é sempre criticado de alguma maneira, ou porque não incluiu uma cena que devia, ou porque o actor não é suficientemente bom para desempenhar o papel da personagem. Parece fulcral para os críticos encontrarem algum erro, o que aconteceu com este filme, ao qual os críticos não pouparam críticas em relação á fidelidade ao livro.
Porém, eu não li este livro
, portanto a minha crítica terá apenas em conta o filme, isto é, não farei comparações com o livro, pois não o posso fazer.

Twilight é um filme que pode não ser apreciado por todos, mas não é necessário ler-se os livros ou ser-se uma rapariga de 14 anos para se apreciar o filme. Dos pontos altos da película é a evidente química entre os actores Kristin Stewart e Robert Patt
inson; transmitem na perfeição a paixão vivida pelas personagens, é perfeitamente perceptível o amor entre eles, qualquer um fica completamente pregado ao ecrã. Ambos fazem um excelente trabalho neste filme.

Histórias sobre vampiros e humanos não é uma coisa inteiramente nova; No entanto, Twilight consegue inovar, sendo um filme original, que se destaca essencialmente por se concentrar mais em sentimentos e emoções dos protagonistas, do que
em showdowns e lutas de vampiros. Aí está a grande diferença. É um filme deveras apaixonante, com momentos engraçados e interessantes. O público-alvo, voltando a repetir, é mais as raparigas, que de certeza se deliciarão com este filme. De realçar a banda sonora de uma das cenas do filme, temos Muse, com "Supermassive black hole"!
Como pontos negativos do filme, temos a realização de Catherine Hardwicke, que apesar de ter conseguido captar a essência da história e conseguido transmiti-la, falhou em diversos níveis, como por exemplo na edição de algumas cenas e nos planos de câmara. Mas isso são erros que apontam os mais exigentes. A história pode tornar-se maçuda, para os que estão à espera de épicas batalhas entre os bons e os maus.

Concluindo, Twilight consegue ser uma obra mediana, mas interessante, que nos faz pensar no filme depois de o ter visto. E quem acaba de ver, deseja logo pela sequela. Pelo menos aos fãs da saga literária. Definitly worth a look!


EXAME:

Realização:
5/10
Actores: 8/10
Argumento/Enredo: 7/10
Banda Sonora: 7/10
Duração/Conteúdo: 7.5/10
Transmissão da principal ideia do filme para o espectador: 7/10


Média Global: 6.9/10
Crítica feita por Sara Queiroz

Informação:

Titulo em português: Crepúsculo
Titulo Original: Twilight
Ano: 2008
Realização: Catherine Hardwicke
Argumento (baseado no livro de): Stephenie Meyer
Actores: Kristen Stewart, Robert Pattinson, Taylor Lautner, Michael Welch, Justin Chon

Trailer do filme:




1 comentário:

  1. Adorei a sua critica e concordo perfeitamente com todos os pontos referentes a realização e ao conteúdo do filme.Na minha opiniao ja nao havia na tela dos cinemas uma historia de amor tao cativante como esta entre as personagens principais, talvez porque a quimica entre eles foi transmitida de uma forma simples e cativante, que nos fez sonhar e entrar no proprio filme.Aguardo as proximas sequelas no cinema, precisamos de historias como estas nas nossas vidas, pois fazem.nos sonhar com um amor tao impossivel mas no entanto irresistivel.

    ResponderEliminar